segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

Bem Vindos ao Futuro!




Motoboys do canal*MOTOBOY no Campus Party 2008.


Esta semana começa o cadastramento para os motoboys tirarem o Condumoto e fazer o curso exigido pela Lei 14.491.

As inscrições pela internet para o curso que será subsidiado pela Prefeitura, será a princípio, gratuíto, para 10.000 motofretistas. Para o profissional motociclista se cadastrar ele deve acessar este LINK e se cadastrar: www3.prefeitura.sp.gov.br/smt/condumoto

Está mais do que claro, que a estratégia é boa.

Mas como diz o ditado, "casa de ferreiro, espeto de pau". Segundo o Secretário dos Transporte, Alexandre de Moraes, em dia de Audiência Pública, este é um recurso que a Prefeitura de São Paulo está criando para "ajudar" aqueles motociclistas que não tem dinheiro para pagar o Curso do Motofrete.

Obviamente, QUE TODOS, que ainda não fizeram os cursos, em tentativas fracassadas de Regulametação anteriores, vão recorrer ao Curso grátis, e com isso a Prefeitura consegue "mapear" o soldo de motoboys na Capital.

Ora, se é Lei, por que então se valer de artimanhas para convencer os trabalhadores a buscar o registro na Prefeitura. A Lei é pra se fazer valer? Ou é só um papel assinado por um Vereador - que nunca subiu numa moto - e entrou no jogo político pensando em futuros votos!

Bom, vamos deixar que os Leitores julguem estas formas de legislar, quem sabe, com o Cadastramento voluntário e o suor da equipe do Sindicato, o município economiza o dinheiro que deveria ser gasto com a fiscalização = Do contrário, vamos pensar que a Lei - que só prevê os deveres, e esqueçe os direitos - não precisa ser cumprida, já que não prestamos serviços públicos, mas operamos o serviço privado.

Enfim, a gente termina falando muitas coisas, e o importante corre o risco de ficar no silêncio.

Esta semana aconteceu a primeira edição brasileira do Campus Party. E nós motoboys estávamos lá!

Bem vindos ao futuro, caro amigos!

A participação do canal*MOTOBOY neste evento demonstra a capacidade deste grupo de motoboys se orientarem para o futuro - enquanto boa parte da Categoria ainda vive em condições quase da Idade Média - e as formas de organizações representativas ainda andam pelo Século XIX!

A questão não é apontar que nós somos melhores ou não que os outros, mas verificarmos que estamos trilhando um caminho completamente diferente daquilo que até hoje se pensou em termos de modelo de negócio envolvendo os profissionais motocilcistas.

Como disse o prof. Gilson Swchartz, comentando da parceria canal*MOTOBOY e Cidade do Conhecimento (USP), "vamos discutir e pesquisar a mobilidade 3.0. Sobrepondo a mobilidade física dos motoboy com a digital, das comunicações móvel celular. Buscando novos modelos de negócios e promovendo uma transformação da própria imagem do motoboy diante da cidade, do trabalho e de si mesmo."

Esta pesquisa que vai integrar os profissionais motociclistas do canal*MOTOBOY em uma grande comunidade, vai criar e testar serviços combinando o uso do celular e da motocicleta na malha urbana da metrópole. Os resultados da pesquisas serão divulgados junto com outros estudos até o final do ano pela Fundação Teléfonica da Espanha.

Como reza a cartilha popular, o seguro morreu de velho: então, se nós pudermos combinar o padrão cultural que o canal*MOTOBOY vem alçando, com parcerias e conteúdo, mais a possibilidade real de vermos a Categoria regulamentada, e reconhecida, tudo indicar que o futuro reserva aos Profissionais Motociclista outro patamar de melhoria de qualidade de vida - e por que não falarmos a palavra chave para o milênio que já adentramos - finalmente - : EMANCIPAÇÃO.

Bom, agora é correr MENOS e ganhar MAIS.

Agradecemos a todos que acreditaram que um dia veríamos uma "Luz no fim do túnel".

3 comentários:

r_ito84 disse...

Fala aí Neka! dá uma lida no texto que um parceiro escreveu em um blog q participo http://sheppadeingratu.blog.terra.com.br

eu sou o R. Poke Ito aí nesse blog do Sheppa. Tenho um artigo bem antigo sobre os motocas e um mais atual sobre o trânsito paulistano. o último texto é de um parceiro com uma sensibilidade incrível.
abraços
Xiita!

preta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
preta disse...

meu mari se chama alex sandro ele e motoboy em diadema sp, eu gostaria de saber mais sore seus direitos como motoboy, por ex pode uma empresa demitir-lo por que a m carta venceu e ele ja esta renovando e a empresa vai demiti-lo por justa calsa pode isso?
ele pode abrir um processo contra a empresa me respondam estou

canal*MOTOBOY

canal*MOTOBOY
Coletivo Canal Motoboy